sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

VIAGEM VITAL


Às vezes
é preciso
destravar as portas
abrir todas as janelas
soltar o cinto da insegurança
e decolar...

Para assistir à Terra
de luneta
Comer pipoca
sentada na lua
Escorregar pelas pontas das estrelas
Dançar no ventre das nuvens
Sonhar em outros planetas

Às vezes
é preciso
ficar só
com um papel e uma caneta!

by Márcia Cristina Silva

10 comentários:

ANA disse...

A veces es preciso quedarse sólo.
Un abrazo para ti Anne, buen fin de semana.
ana.

Udi disse...

Que delícia!

vittorio disse...

É neste estar só com um papel e uma caneta, que um mundo imenso se descortina na profusão das emoções que nos sufocam.
As formas surgem das palavras que brotam da esfera azul, enchendo de significados o branco vazio do papel.
As lágrimas e os sorrisos, o inferno e o paraíso, a angustia e a paz, o amor e o desamor, a alegria e a dor, a chegada e a partida, a morte e a vida.....
Tragédias, comédias, romances, mistério ou terror, nuanças de uma vida em branco e preto ou repleta de cor.
Ao sair de mim me encontro num desencontro sem fim, voltar em mim já não quero....querer que não posso atender.
Ao voltar em mim eu me perco num reencontro infinito, estar em mim já não quero...querer que não posso entender......

Mais uma brilhante escolha, no minimo instigante.
Abraços e um Natal repleto de Deus.

Jorge Lemos disse...

O melhor é ficar sóm as vezes,
e com calma ler suas postagens.
Feliz Natal minha menina.

A.Tapadinhas disse...

Tenho uma prenda para ti, no meu sapatinho...
Espero que gostes!
Beijo.
António

Anne M. Moor disse...

Ana: un abrazo natalino para ti!

Udi: Obrigada!

Vittorio: Onde está o teu blog para que possas registrar a profusão de tuas emoções????? "Ao voltar em mim eu me perco num reencontro infinito, estar em mim já não quero...querer que não posso entender......" Instigante é esse não querer estar em ti...

Jorge querido! Felizzzzzzz Natal pra ti e pros teus. Que o passes cercado do carinho da família.

António: OBRIGADA! Tem um recadinho pra ti lá no teu sapatinho... Adorei...
Beijos natalinos.

disse...

Anne: Natal maravilhoso, 2008 melhor ainda...
Bjo e saudade.

Anne M. Moor disse...

Lú: pra ti idem. Aproveita o momento com todos os filhos e que 2008 te traga muitas felicidades e bençãos, além de trabalho :P rsrsrs

Flavio Ferrari disse...

Quem está com um papel e uma caneta, pronto para escrever, não está só ...

Anne M. Moor disse...

Flávio, um papel em branco é uma tentação!!!!!!!!!!! :-)