quinta-feira, 24 de abril de 2008

Casas ou pessoas?


Casas, janelas, olhos, pessoas - meu fascínio...

12 comentários:

ANA disse...

Anne, creo que Viktor te ha puesto un comentario en mi blog, prepárate!
Are you ready???
kisses,
ana.

Anne M. Moor disse...

I'm trying to behave... I am NOT going to be rude in your blog... Pero que muchacho que tiene una vida de cosas para aprender todavia!!!!
Dependiendo de lo que dijo, no le voy a contestar. Tu blog no és para eso...
Besos

Suzana disse...

Eu tenho esta imagem em meu arquivo e acho excelente.Além de permitir uma excelente ilusão de ótica,permite a analise da casa visto como um lar, ou seja casa+pessoas = lar.

bjs

Anne M. Moor disse...

É Suzana... É tudo que a gente vem falando ultimamente sobre janelas... :-)
BJ

elbia disse...

Anne, personas claro!

cuantas cosas vienen a mi mente! En un viaje que tuve oportunidad de volver a un lugar donde había estado... pero las personas ya no estaban allí. Ya sabes está el lugar... que puede ser una casa, un colegio, un cuartel, una fabrica... pero ya no están las personas!

Un fuerte abrazo!

Gui Ferrari disse...

Ouvi falar que os Beatles fizeram um show no telhado de uma casa em londres, sem divulgação.
deve ter sido uma experiência interessante.

Márcia disse...

Ah,Anne também sou fascinada por janelas!!Adoro imaginar os "mundos" que existem detrás das cortinas e luzes!Mas nunca consegui encontrar uma palavra que pudesse descrever o que sinto quando observo-as ao longe...a imagem que colocastes aqui é perfeita!!! Bj.Márcia Duarte

Anne M. Moor disse...

Elbia:
Las ventanas (los ojos) de las casas abren caminos miles...
Besos

Anne M. Moor disse...

Gui:
Que bom te ver na 'minha casa' :-)

Me lembrou tbm to 'Sol na Laje' do Lucas Ninno (filho da Angela)...
Beijos e volta sempre...

Anne M. Moor disse...

Márcia: janelas e casas são o meu fetiche... :-)
Bjos

Angela disse...

Casas COM pessoas!
(E não é que esse magrelo se parece mesmo com esse daqui de casa?-inclusive a escolha do palco)
Super-imagem!
Bjo

Anne M. Moor disse...

Me lembrei muito dele...