segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Tea Cosy

Esta foto mostra um "tea cosy" bordado pela minha mãe. O que é isso? É uma capa acolchoada para pôr por cima de bules para manter o chá quente. Dou-me conta agora que isso não é algo da cultura brasileira, mas sim da inglesa na qual cresci. Os ingleses costumavam, e alguns ainda costumam, fazer chá em bule pois uma xícara de chá não é o suficiente. Para que o momento de tomar chá seja agradável até o fim era necessário que o bule pudesse manter-se quente. É uma peça obrigatória em um lar em que se toma chá!

Este 'Tea Cosy' foi feito pela minha avó materna em tricô - reparem os detalhes. A janela aberta como convite a um bom chá quentinho...

18 comentários:

Flavio Ferrari disse...

Manter quente é indispensável. Até para o chá.
Linda.

Anne M. Moor disse...

hahahahahaha Flávio!!!! Vim lá do Vestiário Masculino agora :-) CoincidÊncia? ... As entrelinhas deste teu comentário dá uma tese!!!

Beijos :-)

A.Tapadinhas disse...

Marilyn Monroe já tinha feito essa demonstração em Some Like It Hot, Quanto mais quente melhor!
:)
Beijo quentinho.
António

Anne M. Moor disse...

António:
Tens razão...

O Tea Cosy que acabo de acrescentar ao post ainda mais...

Beijos interessantes :-)

Walmir Lima disse...

Passei pra deixar um beijo e dizer que o "Life... Living..." é also very cosy, assim como é o teu conceito do que é viver.

Um beijão

Anne M. Moor disse...

Walmir!
Obrigada meu amigo. Sabes bem que uma de minhas paixões é viver... e estar rodeada por meus amigos faz parte desse conceito.

Acabo hoje de ler "A Cura de Schopenhauer" - adorei, me fez pensar bastante... Acho que gostarias de ler se é que ainda não leste...

Abração

Cadinho RoCo disse...

Peças muito interessantes e bem trabalhadas. Parabéns para as autoras.
Cadinho RoCo

Anne M. Moor disse...

Cadinho,
Obrigada pela visita e pela simpatia. De onde vens? Ou como chegaste aqui?

Sintas-te em casa para perambular, ler e comentar a vontade. Serás sempre bem vindo.

Abraços

Udi disse...

Fico com a impressão de que vai sair o teu gatinho de lá de baixo da "barraquiha" ...risos!
quanta delicadeza!
:)

Anne M. Moor disse...

Udi:
LIndos né? Sou de uma família de bordadeiras, tricoteiras, e etc. Nasci na época em que tínhamos que aprender tudo isso... Aprendi. Agora assumi minhas neuroses e não faço o que não gosto de fazer... :-)

Bjos

mundo azul disse...

_____________________________

São belos trabalhos!

Admiro muito os trabalhos feitos a mão...Hoje, poucos se dedicam a faze-lo.
Também minha mãe (84anos) faz trabalhos lindos em crochet!

Gostei de conhecer seu espaço!

Beijos de luz...

_________________________________

Jan disse...

Gaúchos e o chimarrão, inglesses e o chá, desfiando a lógica da necessidade de abrandar o calor com algo geladinho.

^^

Anne M. Moor disse...

Janice:
Tanto chimarrão qto chá tiram nossa sede e são atos de companhia... ou companheirismo...

Bjos

Anne M. Moor disse...

António:
Hahahahaha You make me smile!

Beijos sorridentes

Suzana disse...

O que me encanta é a dedicação e o carinho ao receber, os cuidados com a casa, enfim,tinha-se mais tempo para detalhes, pois não?
Atualmente tudo parece-me frio,contra ponto?

bjs

Anne M. Moor disse...

Suzana,
Mas só se a gente deixa... Temos menos tempo mas continuamos podendo nos divertir com os 'detalhes' que fazem do viver um prazer...

Beijão

Silvia disse...

Quantas emocionadas memórias me trazem teus "tea cozy"! Chás da tarde no casarão e os atuais, com a "cozyness" de tua companhia.

Anne M. Moor disse...

Silvia,
Memórias boas...

Beijão