sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Sonho dos Puros


Sonhei o sonho dos puros,
dos que mal conseguem
dormir.
Sonhei um sonho tão claro,
sem sombras, nenhuma cor.

Sonho de um novo prazer,
intenso,
pedaço de vida, de flor,
que nunca foram meus.

Sonhei o sonho dos puros,
e a noite nunca acabou.

© A. C. Rangel – 10/03/2009

16 comentários:

Anônimo disse...

"Sonhei o sonho dos puros,
dos que mal /
conseguem
dormir"

(...)

"pedaço de vida, de flor,
que nunca foram meus"

E eu
que mal,
Hoje consigo dormir, adormeço sem angústia qualquer,
peso nenhum me embarga a entrada no reino dos sonhos...
vou
adentro,
chego e nem sei o que por lá acontece.

Ao acordar só
sei que a vida é mais lá
pois que aqui só será
quando para cá trouxer a alma,
a quem deixo adormecida
quando o sol nasce.

olá.

Anne M. Moor disse...

Olá! E a quem devo dar as boas vindas?

Poeta?

Obrigada pela visita!

Abraços
Anne

A.S. disse...

O sonho dos puros, são sempre os mais intensos!!!

Beijos...

Anne M. Moor disse...

É Albino, sonhos fazem parte de nos manter vivos...

Abraços
Anne

Denise disse...

Oi Anne,

saudades tuas!!! Tô sem tempo pra me dedicar as leituras das minhas queridas amigas... Mas sempre que der passo por aqui....
Pois é.. o CAVG tá me saindo melhor que e a encomenda!!!
Gente maravilhosa e que leva a educação a sério e alunos maravilhosos!!!!

Saudades, amiga...

bju

Anne M. Moor disse...

Denise

Bom te ver por aqui.

Abração
Anne

vittorio disse...

Sonhar, tai um verbo que define a nossa humanidade.
Não fossem os sonhos e não teriamos evoluído tanto.
Os sonhos tambem nos trazem a esperança de que possamos evoluir no social e no espiritual.
Então mãos a obra vamos sonhar com uma humanidade capaz de amar de forma incondicional a vida.
Amar por incrível que pareça é sinônimo de respeito, respeito a sí próprio, aos outros, e a tudo que nos cerca de forma próxima ou distante.
Afinal de contas somos um só universo infinito.

beijos sonhantes

Camila disse...

Sonhar...sonhar...ahhh como é bom sonhar ;)

Beijos Anne!!!!!!!

A.Tapadinhas disse...

Sempre que um homem sonha
O mundo pula e avança
Como bola colorida
Entre as mãos duma criança.

Poema de António Gedeão, cantado por Manuel Freire.

É bom sonhar...

Beijo,
António

Anne M. Moor disse...

Vittorio

A vida é feita de sonhos e possibilidades e sem amor não se vive!

Beijos
Anne

Anne M. Moor disse...

Se é Camila!

Beijos
Anne

Anne M. Moor disse...

Esse poema do Gedeão é tão verdadeiro...

Beijos sonhadores :-)
Anne

Carlos Eduardo Leal disse...

Anne,
Esta noite infinda é uma dádiva para um sonho assim. Que sua vida e suas palavras nunca adormeçam em nós teus leitores.
Ah, agora tenho um blog gastronômico...rs. Ousei! veredasgastronomicas.blogspot.com
Bjs
Carlos Eduardo

Anne M. Moor disse...

Carlos Eduardo...

De foto nova pra acompanhar o blog novo? Já fui lá!

Sonhos de uma descoberta surpreendente...

Beijos
Anne

Carlos Eduardo Leal disse...

Oi Anne,
Obrigado pela visita lá. Mas tem também: politicailuminada.blogspot.com
Bjs
CEL

Anne M. Moor disse...

Carlos Eduardo

Já fui lá também :-) Ideia brilhante esse seu blog.

Beijos
Anne