domingo, 31 de janeiro de 2010

Casa ou Lar?


De acordo com Angela Arraya na revista "FengShui em Casa" (p.7)

"Uma casa que não reflete o interior de seus moradores não pode ser considerada um lar de verdade. Para acolher, ela deve dialogar diretamente com o que tem abrigo mais profundo no coração de cada pessoa."


Certa vez, uma amiga me disse: "Tua casa tem uma coisa diferente das outras, mas não sei bem o que é, apenas que é bom." Eu, à época, não entendi. Pra mim, minha casa era como outras tantas de pessoas que conheço. Mas ao 'cavar' no meu interior ao longo dos últimos anos, descobri que minha casa espelha as alamedas de minha vida, as perambulações por 3 culturas diferentes.
Realmente, eu estou estampada em cada centímetro do meu ap! E, certamente, é por isso que sinto prazer em estar em casa.

Sejam bem vindos!

17 comentários:

Flavio Ferrari disse...

Totalmente de acordo ... deve ser por isso que minha casa é meio estranha ...
Você tirou o endereço do blog do seu perfil ????
Vou refazer a lista lá no Arguta. Prefere que eu não inclua o Life Living ?

Anne M. Moor disse...

Oi Flávio!

Não tirei não. Os endereços estão todos no perfil - o meu e o do blog. Inclui sim.

Beijos
Anne

rm disse...

Ei Anne,
é você de chapéu sentadinha ali na prateleira? rss

Anne M. Moor disse...

Estou no meu posto... rsrs

Bjos
Anne

Carlos Eduardo Leal disse...

Home is where the heart is
Peter, Paul & Mary

On the corner there’s this nice man
His name is mark, he’s always smiling
He’s got this mom who comes on wednesdays
In the evening with soup so steaming
He shares his house with his friend martin
They’re not brothers, they’re not cousins
My little girl wonders all about these men
I take hold of her hand, and I begin

Chorus:
Home is where the heart is
No matter how the heart lives
Inside your heart where love is
That’s where you’ve got to make yourself
At home

Across the yard live deb and tricia
With their tools and ladders
And their room addition
My kid yells over, are ya having a baby?
They wink and smile, they say, someday maybe.
But through their doors go kids and mommies
Funny how you don’t see the daddies go in
My little girl wonders
’bout this house with no men,
I take hold of her hand
And I begin

Chorus

’round the corner, here comes martin
He’s alone now, he tries smiling
He roams around his well stocked kitchen
He knows that fate will soon be coming
My little girl wonders where he will live
I take hold of her hand and I begin

Chorus

Martin sits and waits with his windows open
His house is empty, his heart is broken
We bring him toys and watercolors
He loves to hear my little baby’s stories
She’s the gift I share
She’s his companion
She’s the string on the kite
She guides him into the wind
My little girl wonders who will care for him
We take hold of his hand and we begin

Carlos Eduardo Leal disse...

http://www.youtube.com/watch?v=qEh7DeJ_QHk

Anne, ouça no You Tube. Não consegui a versão de "Home is where the heart is" (que mais gosto) com Peter, Paul and Mary, mas só esta com Oliviathefolkie

bjs.
Carlos Eduardo

Anne M. Moor disse...

Carlos Eduardo

"Home is where the heart is" é lindo e é isso mesmo... A letra desta música tem pano pra manga!!!

Obrigada.
Beijos
Anne

Ana Martins disse...

Boa noite Anne,
concordo plenamente consigo e também eu sinto prazer em estar em casa.

Beijinhos,
Ana Martins

Anne M. Moor disse...

Oi Ana!

Tão bom que a gente se sente bem em casa...

Beijos
Anne

A.Tapadinhas disse...

Eu já vi esse cantinho...

...lembro por causa da garrafinha...

hehehe

Beijo,
António

Anne M. Moor disse...

Qual delas António??? rsrsrsrsrsrsrs

Beijos risonhos
Anne

Udi disse...

Cantinho delicioso!
Obrigada por compartilhar.
bjs!

Anne M. Moor disse...

Obrigada Udi!

Seja bem vinda ao meu cantinho...

Beijos :-)
Anne

Graça Pereira disse...

Quando o nosso "cantinho" reflecte o nosso coração, as nossas vivências, é tão bom estar em casa e receber os nossos amigos que dirão sempre:a tua casa é diferente! Pois é! Têm alma!
Gostei do teu espaço onde cabe a amizade.
Um beijo
Graça

Anne M. Moor disse...

Graça

O meu canto sempre terá espaço para a amizade e tu serás sempre bem vinda.

Beijos
Anne

Non je ne regrette rien: Ediney Santana disse...

sei disso porque minha casa é quase igual a mim, tem suas manias e suas histórias

Anne M. Moor disse...

Ediney

Então sua casa deve ser um lar :-)

Obrigada pela visita e seja bem vindo!

Abraços
Anne