segunda-feira, 16 de abril de 2012

O possível


Razão fala aos ventos que uivam
Emoção sussurra em meu ouvido
E senta na lua a meditar

Razão cutuca o sentir em vão
Emoção acalenta o viver
E aponta para o sentir verdadeiro

Sentimentos têm vontade própria
Silêncios guardam verdades conhecidas
De amar, de querer e de desejar.

© Anne M. Moor

12 comentários:

Graça Pereira disse...

O que seria das nossas vidas sem emoção? É ela que nos faz vibrar a cada momento.
Um poema lindo que...emociona!
Beijo e boa semana.
Graça

Anne M. Moor disse...

Graça querida

Gosta tanto das tuas leituras dos meus poemas...

beijos
Anne

Maria disse...

A razão cala frente aos desejos do coração. O silêncio se faz no amor que tudo crê e sempre espera.

BJS

Anne M. Moor disse...

Maria, minha amiga...

Adorei tua visita a minha 'casa'.

Sabia que ias entender. Vens me dizendo isso há horas! :-)

bjs e bom dia!
Anne

A.Tapadinhas disse...

Cutucar onça com vara curta...

Cutucar o sentir
cutucar o silêncio
cutucar o desejo...

Já cutuquei mais hoje que em toda a minha vida! Uff!!!

Beijo,
António

Anne M. Moor disse...

António bom dia!

rsrsrsrs Obrigada pela tua leitura!

beijos
Anne

Dóris Helena Soares da Silva Giacomolli disse...

Então minha professora favorita é uma poetisa? Nem acredito que estou no teu blog! Lembro que tu dizia que "navegar" na net era muito bom..naquele tempo eu não sabia o que era isso hehehe agora tenho um blog também... Navega por lá dorishssg.blogspot.com
Ah! Sou professora de inglês agora!!
Um abração e muiiiita saudade
Dóris- (da Graduação em Letras)

Anne disse...

Dóris

Claro que me lembro de ti! Onde andas? Vou lá no teu blog agora :-)

Grande beijo e volta sempre.

Anne

A. Marcos disse...

Retornando a visita.....só agora vi seu comentário. Estamos à disposição.

Anne M. Moor disse...

Obrigada pela visita A. Marcos. Volta quando quiseres - vou gostar muito.

abraço
Anne

AC Rangel disse...

Emoção 10, razão Zero... Nada se modificou nos últimos 500 anos...

beijo

Anne M. Moor disse...

You could have knocked me over with a feather ao te ver por aqui!!!

Quanto a nada se modificar nos últimos 500 anos, não sei rsrsrsrsrs Ainda não fiz 500 :P

beijão
Anne