sábado, 21 de março de 2009

Solidão


vontade e sentimentos
tem lá meandros estranhos
incompreendidos em vezes repetidas...

Passa o tempo
solidão explode
amarras criadas
tiram o ar...

Viver é abrir-se
sem medos e preconceitos
ato possível, mas
permitir-se essencial...

© Anne M. Moor - 2008
Imagem: 'Caldeira do Moinho Pequeno' de António Tapadinhas

16 comentários:

Jorge Lemos disse...

Anne
Sempre a solidão nos encaminha
ao pensamento do espirito de abandono: o quadro do Antonio inspirou por certo o seu texto que nos chama para a realidade da tristeza do abandono.

Linda a sua colocação.

Beijos presentes.

Lemos

Janaina Brum disse...

Quem nunca sofreu por solidão?
Sempre ótimo andar por aqui! Bjs, bom final de semana!

Anne M. Moor disse...

Obrigada Jorge,
A solidão me acompanha insistentemente nesta vida irracional!!!!!!!!!!!!!! Alguma razão deve ter...

Vai saber...

Beijos pra ti e pra Stephania

Anne M. Moor disse...

Janaina,
Todos uma vez que outra...

Fica a vontade andando por aqui... :-)

Beijos

Flavio Ferrari disse...

Solidão é a ausência de sí.

A.Tapadinhas disse...

Curiosamente, este é um dos quadros que eu tenho agora na minha sala de jantar... Vou imprimir o teu poema para ficarem a morar juntos.
:)
Beijo essencial.
António

Anne disse...

Flávio:
Acredito. Vou ter que me achar... :-)

Anne disse...

António,
É um quadro muito lindo!

Beijos dominicais :-)

Carla P.S. disse...

É sim difícil o desconhecido.
Mas é legal a ideia, né?
Um café.

Suzana disse...

...Viver é abrir-se
sem medos e preconceitos
ato possível, mas
permitir-se essencial...


Com uma boa dose de coragem.

bjs

Anne M. Moor disse...

O desconhecido é sempre um desafio Carla e bom sim... Concordo.

Anne M. Moor disse...

Suzana,
E desespero...

Beijos

Daniel Costa disse...

Ana

Se deixamos passar o tempo, estamos realmente a dar espaço à solidão.
Sempre precisamos de fazer vida social, devemos abertos ao invés de nos fecharmos.
Daniel

Anne M. Moor disse...

Certamente Daniel!
Comecei a viver de novo já faz tempo... Mas solidão faz parte do viver...

Abraços

Lucinha disse...

Anne vim conhecer seu blog.. Parabéns..

Voltarei mais vzs se assim me permitir e faço um convite para conhecer meu blog.. beijinhos

Anne disse...

Lucinha:
Obrigada pela visita! Sintas-te a vontade na minha casa...

Beijo