terça-feira, 19 de maio de 2009

Expectativa

Pálpebras fecham-se devagarzinho
Faz-se tarde após dia cheio
Sono pesa a tua espera
Sensação acolhedora
Apossa-se do corpo
Na expectativa
De te ver...

Vens?

© Anne M. Moor

20 comentários:

AC Rangel disse...

Anne
Que linda poesia. Espera ansiosa, aguardando que ele venha. E quanta felicidade quando ele chega, imagino.
Parabéns e muitas felicidades pelo aniversário...
Beijo

Rangel

Anne M. Moor disse...

Rangel,
Obrigada pelo carinho e a lembrança.

Beijos

A.Tapadinhas disse...

Claro que sim!
Gato eu fosse...

Aniversário? Teu?

Na dúvida, deixo já parabéns!

Beijo à luz das velas.
António

Carlos Eduardo Leal disse...

Anne,
Não é só a poesia que é linda, mas a forma dela, de uma ampulheta faltando apenas a parte de baixo, que fica para ser completada com a pergunta que não quer calar: Vens?
E já que o tempo escorre preguiçoso (como o gato) parabéns pelo aniversário.
Com carinho,
C. Eduardo

Anne M. Moor disse...

António!
A tua espontaneidade me encanta meu amigo!!

Obrigada pelos parabéns! Sim hoje é meu aniversário - o 1º dia de um ano novo...

Beijos felizes :-)

Anne M. Moor disse...

Carlos Eduardo,
Adorei tua 'análise' do que fiz :-) Na mosca!!

Obrigada pelo carinho...

Beijo

rm disse...

Caramba, Anne! Precisa ser egiptólogo para decifrar alguns de seus poemas... Que tal desenhar da próxima vez? rss

(se bem que você "desenhou", né? rss)


Parabéns e felicidades!

Anne M. Moor disse...

Pô rm,
Logo desta vez que desenhei meu poema!!!!!!
rsrs

Beijos e obrigada!

Luna Sanchez disse...

Ah, que delicadeza nas palavras e na forma (literalmente).

Quem poderia resistir a um convite desses? Claro que ele vai. ;)

Um beijo,

ℓυηα

Amanda Arthur disse...

Lindo..
Parabéns! Pela poesia e pelos mais um ano de vida, bem vivido, certamente.
Beijo.

Anne M. Moor disse...

Luna e Amanda,
Obrigada pras duas...

Beijos

Silvia disse...

Como uma ampulheta. Esta figura usada pelo Carlos Eduardo te calou fundo não? Tudo a ver. Agora esperamos a parte inferior da ampulheta.

Anne M. Moor disse...

Silvia,
É amiga, tu me conheces né não???

Em vez de esperar pra ver, e viver pra ver...

Suzana disse...

A espera com carinho é um acalanto para os viajantes.

bjs

Angela disse...

Que tenha vindo!
Ora, pois!

Felicidades e carinho pelo aniversário!

E agora já posso perguntar: Veio?

Beijão

Anne M. Moor disse...

Suzana,
E acalanto foi...

Beijos

Anne M. Moor disse...

Angela,
Não quem tu estás pensando... :-)

Beijão

Janaina Brum disse...

Anne, como sempre, doce!
Parabéns novamente por ontem!
Beijinhos da tua leitora, Jana

Anne M. Moor disse...

Obrigada Jana, minha leitora e colega... :-)

C. disse...

Gostei da disposição do texto!