sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Mar aberto















Mar aberto traz, ao mesmo tempo
paz, tumulto e uma variação de cores.

Verde, azul, marron,
com ou sem colarinho
batendo nas areias
ao alcance dos pés.

Cheiros...
de paz, de nostalgia, de prazer.

Friozinho na boca do estômago
ao ver minha vida
nas ondas do mar.

© Anne M. Moor

10 comentários:

Flavio Ferrari disse...

Que delícia ...

Anne M. Moor disse...

Flávio
Delícia 2 vezes - uma por estar na Espanha (na foto) e outra por estar naquela época com a filhota que mora lá!

Beijos
Anne

J Araújo disse...

Ane, isso é uma delícia! O mar sempre nos fascina com suas lendas e mistérios. É uma eterna fonte de inspiração, só perde como fonte de inspiraçã para a lua.

Gostei do blog viu!!

Bj

Helena Maria disse...

linda!!

Anne M. Moor disse...

J.Araujo
Obrigada pela visita! Volte sempre.

Abraços
Anne

Anne M. Moor disse...

Helena

Que bom te ver por aqui!

Beijos
Anne

olhar disse...

Como uma onda no mar...a vida vem...que coisa mais gostosa!
Beijos com meu carinho!
Bia

Camila disse...

Aiii o mar!!Adoro o mar!
Lindo poema Anne!

Beijos!!!!!!!!!!

Anne M. Moor disse...

Bia

As ondas do mar nos embalam! :-)

Beijos
Anne

Anne M. Moor disse...

Obrigada Camila!

Bjs
Anne