quinta-feira, 9 de abril de 2009

Recomeço

Recomeço brota de frustrações encaradas.
Recomeço emerge de momentos sentidos.
Recomeço pisca pr’almas cansadas
e acaricia vidas entediadas!

Olhe para dentro de si.
Olhe ao seu redor, olhe longe
com olhos de mirar.

Crave os olhos
no nascer de um desejo!

Surgirá a esperança!
Renascerá a possibilidade!
Restaurar-se-á a vida!



© Anne M. Moor

27 comentários:

rm disse...

Ei Anne,
só se for com bons versos e boa música. Do contrário dá vontade de virar para o canto e dormir de novo...

Anne M. Moor disse...

Nunnnnnnnnnca rm... Nunca desistirei de recomeçar sempre que for necessário e possível!!!

Agora virar pro canto e dormir de novo as vezes bate sim, mas a gente dá um chute no meio dos olhos e continua em frente com poesia e boa música :-)

Beijo

Flavio Ferrari disse...

Qualquer dia vou escrever sobre os caminhos da frustração ...
Rever-se é o mais construtivo deles.

Anne M. Moor disse...

E rever-se FF é um MUST praticamente diariamente...

Tenho tentado sentar em cima de minhas frustrações o que vem a mente aquela frase (or whatever) que diz algo como 'se não tem solução, solucionado está' e vamos aproveitar como está!!!!

Beijos

AC Rangel disse...

Recomeço traz ousadias, traz sabores jamais provados, pecados, doces pecados, jamais cometidos.
Recomeço traz cheiros, novos, frescos, jamais sentidos.
Recomeço traz prazeres, sentimentos, umidades, traz o começo da vida.
Outra vez.

Anne M. Moor disse...

Rangel!!!!!!!!!!
Teu comentário está um poema lindo e recomeço é isso tudo sim...

Feliz Páscoa

Beijo

Avassaladora disse...

Anne, tinha visto vc só no Prozac Café... Agora me deparo com teu Blog!
A frase de apresentação...
"Ler e escrever é fazer amor com as palavras..."...
Amei! ainda tenho muito que aprender, se bem que a essa altura da vida, não sei se ainda aprendo alguma coisa...rs
O que importa é que aqui me deparei com poemas lindos! E tem um, que com a devida autorização ainda quero publicar no meu blog, com os devidos créditos...

Obrigada por seu carinho lá no meu cantinho!

Cadinho RoCo disse...

Feliz Páscoa.
Cadinho RoCo

Anne M. Moor disse...

Avassaladora,
Obrigada pela visita. Chega, senta, perambula a vontade, lê e claro que te autorizo a publicar poemas meus no teu blog. Qual foi a que te empactou assim? :-)

Adorei teu blog tbm e certamente andarei por lá bem seguido.

Ah, é NUNCA é tarde pra aprender. Passamos a vida toda aprendendo...

Beijos

Anne M. Moor disse...

Cadinho RoCo,
Procê tbm!

Beijos

Tetê disse...

bela poesia em companhia de boa música
.

boa páscoa
!!

Anne M. Moor disse...

Tetê,
Obrigada pela visita! E Feliz Páscoa pra ti com camisinha :-)

Beijos

João disse...

Anne esse poema me lembrou uma frase de uma musica que gosto muito que diz assim ...

"Every new beginning comes from some other beginning's end ..."

Gostei muito do poema, e tambem muito boa a foto =)

Anne M. Moor disse...

João,
Que bom que gostaste! É sempre tão bom te ver por aqui.

Feliz Páscoa e um beijo

A.S. disse...

Belo momento poético!

Que nada se interrompa antes que aconteça!
Que nenhuma luz se apague enquanto os olhos a pedirem...


Beijos...

Suzana disse...

Querida,estou com uma crise de dor na coluna horrorosa.
Vai passar.
Espero.
bjs

e.t.: estou teclando deitada!

Anne M. Moor disse...

Albino,
Uma honra sua visita aqui e seu comentário. Como chegou em minha casa? Sinta-se a vontade de perambular entre meus escritos - vou adorar - e será sempre muito bem vindo.

Beijo

Anne M. Moor disse...

Suzana!
Coitada! Te cuida amiga... E melhoras rápidas.

Beijos

Ana Martins disse...

Recomeçar sempre que necessário é prova de garra e coragem!

Gostei do poema que nos transmite essa força sem receios.

Beijinhos,
Ana Martins

Anne M. Moor disse...

Ana,
Que bom que gostaste Ana. Uma honra para mim!

Beijos

Avassaladora disse...

Anne, o poema que me encantou, entre outros, foi " Porque este e não aquele" postado em 24/03.

Mas é dificl falar qual é mais belo...
Mas este foi assim, tipo amor a primeira vista... ou a primeira lida...rs

Vou editar, e quando postar te aviso.


Obrigado por seu carinho!
É uma delicia suas visitas...


Mil beijos!!!!!!!!

Anne M. Moor disse...

Fica a vontade Avassaladora. Esse poema demonstra o que há de misterioso nos relacionamentos!!! :-) Tbm gostei bastante dele depois de escrever :-)

Beijos

Michele Moura disse...

Eu sempre espio o que tu escreves, embora nem sempre comente...

Na maioria das vezes está tudo ali. E me parece que qualquer comentário que se faça pode estragar amagia do e verdade do que foi dito...

Só por isso que me calo!

Admiro imensamente a tua poesia sem rodeios.

Em parte por reconhecer que as verdades mais profundas são mesmo muito simples.

E em parte por saber que essa mesma poesia dos teus escritos reflete o modo como tu vês e sentes a vida.

E isso é o mais bonito!

bjo Anne querida!

Anne M. Moor disse...

Michele querida!
Eu fico muito feliz qdo comentas. Tu, professora de literatura, me encanta qdo o fazes. Obrigada pelo teu comentário de hoje e volta sempre e comenta sempre que vou adorar.

Beijo grande

A.Tapadinhas disse...

Para mim, também está a ser um recomeço, depois dos dias de férias com Rafael...
Beijo renovado.
António

Anne M. Moor disse...

Estar com criança pequenina é sempre um recomeço nénão? E mais aquela gracinha do teu neto. Pintaram juntos? :-)

Beijos

Capitu disse...

Sempre é tempo de recomeçar...

Anne Moor! Lendo seus versos, vi minhas frustrações pelas janelas acenando para mim... E percebi o tanto que posso dizer um “tchau” bem grande para elas... E sem nem mesmo me despedir, dar-lhes as costas e seguir a diante... Sem medo se ser feliz! Apenas vivendo, verdadeiramente... Recomeçar é algo nobre! Poucos são aqueles que assumem a necessidade de fazê-lo...

Beijo grande, moça! Sempre que eu precisar daquele pulsar de esperança, voltarei aqui correndo a procura do seu “Recomeço”!